Artigos

  • Repartição simples ou capitalização?

    Quando se fala em reforma da previdência é bom ter em vista os regimes sobre os quais ela se sustenta, que podem ser repartição ou capitalização ou a conjunção de ambos.

    O regime de repartição é o mais usado no mundo. É aquele em que os atuais trabalhadores contribuem para pagar os atuais aposentados. É o […]

  • Estado, esse desconhecido

    Para entender as finanças estaduais basta fazer uma continha simples, assim: Da cada 100 arrecadados, 50 é gasto automaticamente ou tem destinação específica. As demais despesas correspondem a 65, restando, portanto, 15 a descoberto. Só que para gerar esses 15 necessita aumentar em mais de 25. E isso não ocorre de uma hora para outra. […]

  • Regras previdenciárias atuais (2018)

    Estamos próximos de um novo governo e, seja ele quem for,   não  escapará da reforma da previdência, devido ao déficit alto e crescente dos sistemas  _ tanto do Regime Geral como o Regime Próprio dos Servidores Públicos (RPPS)_  e o envelhecimento acelerado da população. No RPPS o maior problema está localizado nos estados, havendo  três […]

  • Paraná e Santa Catarina poderão ser o RS amanhã?

    Embora os estados do Rio de Janeiro, Minas Gerais e Rio Grande do Sul (nessa ordem) apresentem grande deterioração de suas contas, os outros três estados, entre os seis selecionados para comparação, exceto São Paulo, não estão bem. O Estado de São Paulo, dos seis escolhidos, é o que está em melhor situação. Proporcionalmente, é […]

  • Orçamento de papel da União e as falsas interpretações

    O fato de os juros da dívida pública  serem tão altos não justifica o procedimento adotado por muitos leigos ou mal-intencionados de agregarem a dotação bruta da dívida pública na formação da base  de comparação das demais despesas, porque distorcem as informações.

    É exemplo disso o fato de dizer que 51% do orçamento federal são canalizados para […]

  • O custo do populismo

    A imprensa informa diariamente a corrupção no setor público e isso gera uma crença generalizada que ela é a maior causa de nossas mazelas sociais.

    No entanto, a corrupção, por mais abominável que seja, porque rouba o muito do indispensável aos mais necessitados, contribuiu muito para nossos males, mas a principal causa deles está no populismo […]

  • Abrindo os números da Prefeitura

    Sem entrar no mérito das propostas da Administração Municipal, o que muitos já fizeram, inclusive eu, em outra oportunidade, vou analisar a situação financeira do Município.

    Para alguns, o Município é superavitário, as informações da Prefeitura são mentirosas e o secretário da Fazenda é incompetente, quando se sabe que se trata de uma pessoa  muito bem […]

  • Perdas da Lei Kandir, o falso diagnóstico

    Os Estados,  de um modo geral,  atribuem às denominadas perdas da Lei Kandir a culpa por todas suas mazelas financeiras. De fato, as transferências federais vêm caindo e perdendo  importância no contexto das receitas correntes estaduais. No Estado do RS, por exemplo, as transferências federais eram 13,7% das receitas correntes em 2000 e em 2017 […]

  • Cenários para o Estado do RS, 2019-2025

    Calculamos alguns cenários para o Estado do RS, fazendo algumas combinações que permitem projetar o resultado orçamentário (receita total menos despesa total), nos diversos anos acima referidos. Não consideramos as operações de crédito e nem a receita de venda de bens patrimoniais, porque a finalidade foi calcular a necessidade de financiamento em cada ano.

    Com base […]