Próprios

  • Estará o governo estadual vendendo o caos para tirar vantagem disso?

    O texto abaixo é a conclusão do estudo com o mesmo nome com “link/” no final, que trata do déficit de 2016 e projeção para o período 2017-2020:

    Conforme referido no texto, os dados dos dois cenários construídos dependem do comportamento dos parâmetros selecionados que, acreditamos, não variarão muito,  diante das atuais circunstâncias.
     
    Mas muitas das medidas […]

  • A previdência é deficitária, sim

    Para muita  gente não há déficit na previdência. Na Internet e nas redes sociais há muitos textos e vídeos que fazem essa afirmativa. No entanto,  temos uma visão divergente desses que assim pensam, que procuramos demonstrar no estudo que complementa este texto.
     
    O ano de 2016 deverá encerrar com um déficit de R$ 146 bilhões no […]

  • Análise das contas do Município de Pelotas

    Síntese final e conclusão
    Pelotas, com 3% da população estadual, ocupa a quarta  posição nesse indicativo no Estado. Seu PIB em 2013 representava 1,8% do PIB estadual, correspondendo à 10ª posição entre os doze municípios mais populosos, em termos per-capita.
    Em 2015, no ICMS que foi distribuído aos municípios  participou com 1,37172%. Em termos per-capita,  posição […]

  • Análise da proposta orçamentária 2017

    Conclusão

    A proposta orçamentária para o exercício de 2017 apresenta um déficit de R$ 3 bilhões, em valores redondos. E como agravante, a dotação para investimentos com recursos próprios alcança tão somente R$ 481 milhões, ou 1,3% da RCL. E esses recursos próprios só podem ser do caixa único ou dos depósitos judiciais (se assim podem […]

  • Há déficit na previdência?

    Seguidamente é afirmado que não há déficit na previdência, havendo inclusive uma tese universitária comprovando a inexistência desse déficit. E isso é afirmado com tanta insistência e convicção como se fosse uma verdade absoluta. 

    Pois eu pertenço a corrente que entende que há déficit e déficit grande e crescente na previdência.  Crescente, devido ao envelhecimento veloz […]

  • Gastos em demasia, a grande causa

    Referindo-se ao excesso de gastos praticados pelos governos, Margareth Thatcher disse certa vez que “se o Estado gastar demais, ele só pode fazê-lo tomando da poupança ou cobrando mais tributos. E não adianta pensar que alguém irá pagar. Esse “alguém” é você. Não existe isso que chamam de dinheiro público. Existe apenas o dinheiro de […]

  • Impeachment do governador?

     

    Este texto foi escrito como introdução à apresentação que fiz em diversas palestras realizadas (cada uma com alguma modificação), que  pode ser acessada no LINK, em seu final, sob o título “FINANÇAS DO RS: DE ONDE VÊM OS DÉFICITS”.
    Sua divulgação neste blog  visa a contribuir para o debate,  no momento em que se fala […]